POR PROPOSTA DA CDU LISBOA VAI PROCEDER AO LEVANTAMENTO E INVENTARIAÇÃO DOS HABITATS DOS MORCEGOS

 

Morcegos

Portugal tem 27 espécies de morcegos, representando 40% dos mamíferos do nosso país, estando 9 dessas espécies ameaçadas.
 
Em Lisboa, no Castelo de S. Jorge habitam várias espécies de morcegos, como o morcego-rabudo, o morcego-anão, o morcego-de-Água ou o morcego-hortelão.
 
Embora não existam levantamentos sobre o
assunto é de crer que outros locais em Lisboa, possuindo condições favoráveis, constituam habitats destas espécies, nomeadamente a Tapada das Necessidades, o Parque das Conchas e dos Lilases, e outros edifícios públicos e privados.
 
Algumas espécies de morcegos, comem metade do seu próprio peso em insectos numa só noite, conferindo-lhe um papel fundamental no equilíbrio dos ecossistemas, como controladores de pragas.
 
Por proposta dos vereadores do PCP, foi aprovado por maioria, apenas com abstenção do CDS, proceder ao levantamento e inventário dos locais onde nidifiquem e habitem as diferentes espécies de morcegos que vivem no Concelho de Lisboa, e a elaboração num prazo, não superior a 180 dias, de regras a observar pelos promotores imobiliários nos seus projectos, a fim de impedir a destruição de colónias de morcegos.
 
Consulte aqui a proposta