Defender os direitos e interesses dos trabalhadores das EFFA's

doc_effas-1_copy.jpg 

Trabalhadores dos Estabelecimentos Fabris da Forças Armadas lembram, no documento que está a ser distribuído ao seu sector, que "o PCP sempre defendeu os interesses dos trabalhadores civis das forças armadas em todas as circunstâncias, defendendo a mantenção dos estabecimentos fabris para satisfação das necessidades das forças armadas, a manutenção dos postos de trabalho, assim como o regime de contrato de trabalho em funções púbicas por ser o que melhor defende os seus direitos e interesses", Acrescentam ainda que "em tempo de eleições, os trabalhadores têm de usar o voto como forma de luta".

Ver documento em PDF