Contra o Despedimento Colectivo: Solidariedade com os trabalhadores do Grupo Media Capital

318.jpgA intenção de despedimento de onze trabalhadores da Media Capital Rádios constitui mais uma afronta aos profissionais da comunicação social. É um novo episódio na vaga de despedimentos, de aprofundamento da precariedade e da desregulamentação das relações laborais. É sintomático que, para além desta intenção de despedimento colectivo, tenham sido conhecidos outros processos com o mesmo intuito num conjunto de empresas, exactamente na semana seguinte ao último de três processos eleitorais.

É inadmissível que o grupo Media Capital, que entre os anos de 2004 e 2008 acumulou mais de 89 milhões de euros de lucros e só no 1º semestre de 2009 já arrecadou mais de 9 milhões - tenha a intenção de despedir.
 
O PCP apela à luta dos trabalhadores contra este despedimento, e expressa a sua activa solidariedade!

 

Continuar...

CDU debate realidade da comunicação social

debatecs.jpg

A CDU organizou quinta-feira um debate na Casa da Imprensa que reuniu mais de duas dezenas de pessoas. A iniciativa, subordinada à difícil realidade que se vive no sector, contou com a presença de Rosário Rato, vice-presidente do Sindicato dos Jornalistas, do jornalista Alferes Gonçalves e de Bruno Dias, deputado do PCP à Assembleia da República. Entre os temas debatidos, destacaram-se os despedimentos, a precariedade, o Estatuto do Jornalista, a concentração dos meios de comunicação e falta de democracia nos media. Também o trabalho realizado pela CDU e as propostas para a área da comunicação social.

Manifesto: Pela Cultura, Liberdade, Transformação e Emancipação Votamos CDU!

culturacafeconcerto.jpg

É necessário e urgente romper com a política de desresponsabilização e asfixia financeira, de esvaziamento e secundarização da cultura. No quadro da luta por uma democracia avançada, a luta e a construção de uma democracia cultural é função e factor das vertentes política, económica e social da democracia.

Continuar...

Professores Comunistas apelam ao voto na CDU

pelaeducacao.jpg

A Organização dos Professores Comunistas está a distribuir o seu Boletim "Pela Educação nº 26", um número especial dedicado às eleições legislativas, e que sublinha a importância dos professores votarem CDU, e onde se sublinha que "Tempo de Eleições é tempo de avaliações e Perspectivas".

Ler Boletim em PDF

Sector Intelectual da ORL do PCP apresenta 6 Orientações e 10 Medidas Prioritárias pela Cultura

manifestocultura.jpgÉ necessário e urgente romper com a política de desresponsabilização e asfixia financeira, de esvaziamento e secundarização da cultura. No quadro da luta por uma democracia avançada, a luta e a construção de uma democracia cultural é função e factor das vertentes política, económica  e social da democracia. No quadro destas orientações fundamentais e tendo em conta os aspectos fundamentais da política seguida pelo Governo Sócrates que é essencial corrigir e inverter nos escritores, artistas e demais trabalhadores da cultura subscrevemos o programa da CDU para a cultura na convicção de que o processo na sua implantação será sempre realizado de forma não burocrática e participada.
 

CDU dirige-se aos Bolseiros de Investigação Científica

bolseiros.jpgOs eleitos da Coligação Democrática Unitária (CDU) na Assembleia da República e no Parlamento Europeu têm promovido a discussão da situação dos bolseiros e apresentado propostas legislativas com vista à melhoria do Estatuto do Bolseiro. No Parlamento Europeu, os deputados da CDU intervieram quando se verificou o atraso de pagamento de bolsas financiadas por projectos europeus e submeteram perguntas sobre a aplicação da Carta Europeia do Investigador e do Código de Conduta no Recrutamento de Investigadores. Estes documentos, para a CDU, são mais que meras recomendações. São orientações que devem ser implementadas nacionalmente no sentido de valorizar e dignificar a situação dos investigadores e técnicos.

Ler Comunicado em PDF

Iniciativa com João Ferreira sobre o Ensino Superior e Bolonha

joao_ferrreira2_blolonha_20_maio_2004.jpg

João Ferreira, candidato da CDU ao Parlamento Europeu, participou no passado dia 20 de Maio, num painel dedicado ao tema «Ensino Superior: que futuro com Bolonha»?, na Faculdade de Ciências de Lisboa, juntamente com os Professores Manuel Gusmão, Eduardo Chitas, Leonor Mota Soares e o Investigador Frederico Carvalho. O debate, organizado pelo Sector Intelectual de Lisboa do PCP, contou com a participação animada de vários estudantes, professores e outras individualidades.

Continuar...

Sector Intelectual de Lisboa promove acções de campanha

joaoferreira.jpgO Sector Intelectual de Lisboa está a promover, durante todo o mês de Maio, um vasto conjunto de acções com a participação de João Ferreira, candidato da CDU ao Parlamento Europeu. Além de diversas acções de propaganda junto das Universidades, realizaram-se já reuniões com a ABIC e com a PP-Cult, bem como com os trabalhadores da Controlinveste.

Intelectuais Comunistas lançam Manifesto

intelectuais.jpg

Nas eleições para o Parlamento Europeu do próximo dia 7 de Junho não são apenas diferentes e divergentes projectos que estão em disputa. São diferentes e divergentes rumos para a UE e, sobretudo, concepções políticas cuja origem histórica radica no confronto secular entre duas faces da Europa: a Europa opressora, exploradora, retrógrada e imperialista, e a Europa do progresso e da luta emancipadora dos trabalhadores e dos povos.

Ler o Manifesto em PDF

Concluído o Curso de Escrita Criativa no CT Vitória

escritacriativa.jpgO Curso de Escrita Criativa, promovido pelo Sector Intelectual, terminou a semana passada, mas ficou agendada esta última sessão (na foto) para leitura de textos seleccionados dos participantes desta última edição. Leccionada por Domingos Lobo, esta iniciativa prolongou uma experiência que antes tinha contado com a participação de Mário de Carvalho e Urbano Tavares Rodrigues, e que será novamente continuada no próximo ano.

Subcategorias