O PCP saúda a luta dos trabalhadores do Grupo Caixa Geral dos Depósitos

mini-20120121 cgd

Contra o corte dos subsídios de Férias e de Natal e pelo segundo ano consecutivo extorquidos de uma parte do seu salário, mais de 1200 trabalhadores do Grupo Caixa Geral de Depósitos concentraram-se hoje entre as 16 e as 18 horas à porta da sede da empresa e da agência central, respectivamente em Lisboa e no Porto. Também os trabalhadores do Grupo Caixa Geral de Depósitos estão a ser alvo de uma política, que obedecendo aos ditames do Pacto de Agressão negociado com o FMI, UE e BCE, retira direitos e reduz os rendimentos dos trabalhadores, reformados e pensionistas, em nome de uma falsa promessa de maior crescimento e mais emprego.