Não ao encerramento de serviços nomeadamente no Hospital de Santa Cruz

Na edição de Julho do seu Boletim Informativo "Célula Vermelha", a Célula do Centro Hospitalar Lisboa Ocidental do PCP alerta para a intenção do Governo PSD/CDS-PP de encerrar mais serviços de saúde.  Em comunicado refere que o "Governo definiu através da publicação no passado dia 10 de Abril, da portaria nº 82/2014, os critérios de classificação dos serviços e estabelecimentos do Serviço Nacional de Saúde (SNS) de acordo com a natureza das suas responsabilidades e quadro de valências exercidas, bem como o seu posicionamento na rede hospitalar. O diploma tem em anexo a lista dos serviços, classificados segundo os critérios supracitados. Esta classificação provoca a perda de serviços na maioria das unidades de cuidados secundários, inclusive alguns serviços que são referências nacionais nas suas áreas de atuação." É o caso do Hospital de Santa Cruz (HSC), unidade que integra o CHLO, que foi classificado no grupo II, perdendo assim as valências de Cirurgia Cardiotorácica (CCT) e Cardiologia Pediátrica, valências em que é uma referência no plano nacional. Ler Documento em PDF