PCP Sintra debateu situação das Associações de bombeiros

mini-bomb sintra

O PCP realizou no dia 25 de Fevereiro, 15 horas um Encontro /Debate com as Associações de Bombeiros Voluntários do Concelho de Sintra no Auditório dos SMAS (Portela de Sintra), que contou com a participação de cerca de 40 pessoas. O encontro foi um importante momento de reflexão sobre a situação em que se encontra as associações de bombeiros no concelho de Sintra, tendo como principal dificuldade o seu financiamento em virtude dos inúmeros cortes orçamentais que têm sofrido nos últimos tempos. Esta situação tem levado a uma asfixia financeira, que coloca em causa a própria operacionalidade das associações.

Vigilia dos Utentes no Centro de Saúde da Agualva

mini-Agualva 18  Janeiro (2)

Decorreu esta manhã mais uma Vigília/Protesto, promovida pela Comissão de Utentes da Saúde do Concelho de Sintra, desta vez junto ao Centro de Saúde de Agualva, contra o aumento das Taxas Moderadoras, a falta de médicos de família e as degradantes condições de funcionamento daquela unidade de Saúde.

Visita Jerónimo de Sousa aos SMAS de Sintra

smas8nov.jpgO Secretário-geral do PCP realizou uma visita aos SMAS de Sintra, enquadrada num debate sobre “Água Pública”. A visita foi acompanhada por eleitos locais e activistas da CDU do Concelho de Sintra, tendo visitado o edifício oficinal e o edifício administrativo dos SMAS, contactando os trabalhadores das diversas áreas operacionais dos SMAS. No final da visita realizou-se um debate sobre “Água Pública”, moderado pelo dirigente nacional da Associação Água Pública Rui Monteiro e com intervenções de Pedro Ventura e Jerónimo de Sousa.

Ver Intervenção de Pedro Ventura

Ver Intervenção de Jerónimo de Sousa

8 Novembro, Jerónimo de Sousa em Sintra em defesa da água pública

aguapublica.jpgCom o tema «Em defesa da Água pública», a Organização Concelhia de Sintra do PCP promove um debate no Auditório dos SMAS de Sintra no dia 8 de Novembro de 2011, com a participação de Jerónimo de Sousa. O processo de privatização da captação e distribuição da água em alta e em baixa em Portugal é um processo que vem de há muitos anos, e por isso importa lutar pela defesa da água pública.

PCP entrega 3500 assinaturas contra a privatização da Linha de Sintra

assintra.jpg A Comissão Concelhia do PCP entregou dia 31 de Outubro, no Ministério da Economia, mais de 3500 assinaturas de utentes da Linha de Sintra contra a privatização desta importante infra-estrutura ferroviária. Tendo sido beneficiada, nos últimos anos, com avultadas obras de requalificação, pagas pelas empresas públicas e sendo um dos segmentos de negócio mais rentáveis da CP, a Linha de Sintra é, por isso, alvo da cobiça dos privados. Uma privatização que não só não se justifica como seria prejudicial aos interesses das populações e à coesão económica e social dos concelhos referidos.

Ler Declaração Pública

PCP apela à luta dos trabalhadores e encarregados de educação da EDUCA

educa2011out.jpg Face à brutal degradação da educação no concelho de Sintra, ao encerramento de escolas, aos depedimentos de trabalhadores e à degradação dos serviços sociais,o PCP apela aos encarregados de educação e aos trabalhadores para reforçarem a luta contra a política de destruição nacional que o Governo e a troika estão a materializar. O PCP apela ainda à participação na greve geral.

Ler Comunicado em PDF

Governo PSD/CDS patrocina despedimentos e favorece encerramento da SAPA

ggmapscacemsede.jpg O PCP, desde a primeira hora, denunciou e combateu a intenção criminosa da administração da SAPA II Perfis, S.A. em seguir com o despedimento colectivo de mais de uma centena de trabalhadores, pela via do encerramento definitivo da unidade produtiva do Cacém. Questionado sobre a situação dramática em que ficariam os trabalhadores e suas famílias, o Governo apenas se dignou a responder como se esta intenção fosse resultado do curso natural e legitimo de qualquer empresa. Nas palavras dizem defender o aparelho produtivo nacional, mas, na prática, tudo fazem para o destruir.

Ler Comunicado em PDF

CDU realiza encontro com comerciantes afectados por obras da Estação de Agualva

agualvapv.jpgA CDU realizou uma reunião com a comissão de comerciantes afectada pelas obras da estação de Agualva. Esta reunião efectuada a pedido da CDU contou ainda com a presença de cerca de uma dezena de comerciantes, tendo a sua porta-voz, Helena Rebelo, informado a Coligação das preocupações dos comerciantes - redução de facturação entre 60 e 80%, encerramento de estabelecimentos e dispensa de funcionários. Esta é a realidade com que se têm confrontado nos últimos 21 meses.