À população de São Brás: Que transportes temos?

sbrasamadora.jpgA Comissão de Freguesia do PCP está a distribuir um comunicado à população da freguesia de S.Brás, na Amadora, onde sublinha que a freguesia precisa e merece muito melhores condições de Transporte: "Enquanto as transportadoras privadas aumentam os seus lucros e os grupos económicos decidem das políticas de desenvolvimento dos transportes colectivos, nós pagamos cada vez mais por um pior serviço!"

A rede de transportes em São Brás não dá resposta efectiva às necessidades da população em geral.

- Os horários são desadequados, não satisfazem as necessidades efectivas da população residente em S. Brás. 

- A partir das 21.00 Horas a freguesia fica praticamente isolada, ou se tem transporte próprio ou a alternativa é andar de táxi.

- O passe social L1 não abrange toda a freguesia e não aceite em todas as carreiras, como é o caso da carreira 026, que supostamente daria resposta na freguesia.

- É frequente verificar-se que a carreira 142 vai a abarrotar circulando a 026 quase vazia. Se a Vimeca e a LT-Lisboa Transportes são do mesmo grupo, de quem é o interesse que o passe L1 não possa ser usado na carreira 026?                   

- Agora, por interesse do grupo económico que é proprietário do Dolce Vita, a CMA projecta avançar, de forma atamancada e sem proteger o investimento público, com um metro de superfície ligando a Reboleira ao Dolce Vita Tejo. Mas este transporte é para integrar na rede do passe social ou, sendo colocado fora dessa rede, irá provocar uma redução da oferta dos restantes meios de transporte e num aumento de custos para os utentes.
   

O PCP considera necessário e urgente:

1.O alargamento da frequência de carreiras.
 
2.Praticar horários que satisfaçam a necessidade das populações, nomeadamente assegurando a efectiva ligação rodoviária até ao encerramento da circulação do Metro e da CP.
 
3.Tornar o passe social L1 extensivo a todas as carreiras e a toda a freguesia.
 
4.Concretizar o projecto do Eléctrico Rápido entre Algés e Odivelas (que incluiria o trajecto Reboleira/São Brás), integrando esse transporte na rede de transportes públicos e no passe social.

A população de S.Brás precisa e merece muito melhores condições. Enquanto as transportadoras privadas aumentam os seus lucros e os grupos económicos decidem das políticas de desenvolvimento dos transportes colectivos, nós pagamos cada vez mais por um pior serviço!
 
O PCP apela a toda a população para lutar por mais e melhores transportes públicos!
 
De que estamos à espera?