CDU Amadora realiza Encontro Concelhio

A CDU da Amadora realizou no passado sábado (24 de Janeiro) o seu Encontro Concelhio, no Auditório Municipal da Amadora, que contou com a presença de cerca de 100 activistas, e discutiu a intervenção nas três batalhas eleitorais de 2009.
Encontro do Concelho da Amadora (24.1.09)
   

CDU: A ALTERNATIVA DE FUTURO

O ano de 2009 começou com o anunciar do agravamento dos problemas do país e da vida dos portugueses. Ano novo, politicas velhas! Os trabalhadores, os micro e pequenos empresários, os jovens, os reformados, estão confrontados, mais um ano, com a dramática degradação das suas condições de trabalho e da vida e com o avolumar das injustiças sociais que marcam o dia-a-dia do País e de milhões de portugueses. O PS, no Governo e na Assembleia da República, tem dirigido esta política de direita, que no plano económico e social, assume novas e graves expressões, através de ataques concertados aos direitos, liberdades e garantias dos trabalhadores e populações (Código Laboral, alteração avulsa da Constituição...)

A CDU é o espaço de convergência democrática e de alternativa politica de todos aqueles que são afrontados pela política de direita, que exigem a ruptura com essa politica e que querem uma inequívoca e consistente politica de esquerda. Pela coerência do seu projecto, a CDU é a força cujo reforço eleitoral e político pode pôr fim à alternância e abrir portas à construção de uma alternativa politica de esquerda. A CDU é também um espaço aberto à convergência democrática e de alternativa politica de esquerda, aberto aos cidadãos inconformados com as politicas ruinosas que têm desgovernado, nos últimos 12 anos, o Concelho da Amadora. A CDU é também um espaço de democracia onde cabem todos os que aspiram e exigem uma real mudança da política no Município e nas Freguesias, recolocando as Autarquias ao serviço dos interesses dos trabalhadores e das populações da Amadora.

A proximidade dos actos eleitorais leva-nos afirmar que não vamos ter várias campanhas, mas sim uma única campanha, tendo em conta a sua proximidade e a sobreposição das acções da pré e da campanha eleitoral. Devemos elaborar um plano de campanha integrando todo o calendário eleitoral, sem prejuízo naturalmente do tratamento específico que terão de ter as diversas iniciativas. A nossa intervenção deve ter como base as seguintes linhas orientadoras:

A luta dos trabalhadores, a denúncia da politica do governo e da câmara, a dinamização da acção reivindicativa nos locais de trabalho, o desenvolvimento de iniciativas de rua, com acções e lutas no Concelho.

O desemprego, a precariedade, o aumento do custo de vida, os salários, o emprego, as pensões e questões como a saúde (Hospital Amadora / Sintra e centros de saúde), educação, habitação, transportes públicos, a defesa do aparelho produtivo e da zona industrial (terrenos da Sorefame), Tribunal da Amadora com as suas valências, a revisão do PDM, a cultura, o desporto, os serviços públicos, são, entre outras questões, a integrar os objectivos destas lutas.

A realização de iniciativas, desde o inicio do ano, privilegiando a dinâmica do contacto directo com as populações e a mobilização para a luta, em torno das soluções e problemas concretos e da afirmação da CDU como alternativa.

Acreditamos que a Amadora tem futuro, assim consigamos melhorar e reforçar o nosso trabalho.

As batalhas politicas e eleitorais de 2009 constituem um momento e uma oportunidade para abrir caminho a um futuro melhor para o País e para o Concelho (para os portugueses e para os amadorenses), afirmando que a alternativa de esquerda existe e é possível fazer a ruptura com a política de direita.

A CDU na Amadora, na Assembleia da República, no Parlamento Europeu, trabalha e luta por uma vida melhor.

Afirmando-se como a alternativa ao presente e de futuro

Sim, é possível dar mais força à CDU!