PCP divulga: Natação livre regressa ao Complexo Desportivo dos Olivais

 

piscina pixabayDesde o encerramento, em 2006, do Complexo Desportivo Municipal dos Olivais que os eleitos do Partido Comunista Português na Freguesia de Olivais reivindicaram a sua rápida recuperação e abertura ao serviço da população.

 

Concluídas as obras de requalificação e ainda antes da sua abertura, o Partido Comunista Português questionou o executivo da Câmara Municipal de Lisboa, procurando garantir que o mesmo estaria "ao serviço de todos os cidadãos independentemente da sua condição económica e social."

 

A Câmara Municipal de Lisboa, através do seu vereador do Desporto, garantiu que "apesar da concessão a privados, o serviço público prestado aos cidadãos e os respectivos preços são rigorosamente idênticos aos dos outros equipamentos municipais."

 

No entanto, vários moradores foram impedidos de entrar no Complexo sem a compra de pacotes mensais, o que originou várias intervenções do Partido Comunista Português nesta Assembleia de Freguesia, solicitando o cumprimento do compromisso assumido pelo vereador do Desporto da Câmara Municipal de Lisboa.
A esta exigência, o executivo da Junta de Freguesia de Olivais respondeu sempre que a fiscalização do espaço era da responsabilidade da Câmara Municipal de Lisboa.

 

Posteriormente, em reunião descentralizada da Câmara Municipal de Lisboa conjunta Olivais/Parque das Nações, em Fevereiro último, este problema foi novamente colocado por um munícipe, alegando que a limitação das entradas se mantinha, continuando a ser exigida a compra de pacotes de serviços, logo com preços mais elevados.

 

Em sequência, através da intervenção do vereador do Partido Comunista Português presente na referida reunião, foi apresentado um pedido de clarificação da situação, notificando o concessionário para que proceda à prática de preços constantes nas tabelas da Câmara Municipal de Lisboa, de modo a permitir o acesso pontual dos interessados.

 

Opinião idêntica foi manifestada pelo Presidente da Câmara Municipal de Lisboa, que solicitou ao vereador do Desporto a imediata resolução do assunto.

 

Actualmente, já é feita a entrada neste Complexo em regime de natação livre e igualmente cumpridos os preços das tabelas municipais, situação de que o Partido Comunista Português se congratula por ter sido finalmente resolvida.

 

No entanto e dado que esta questão não é ainda do conhecimento de grande parte da população em geral e dos trabalhadores da Freguesia em particular, os eleitos do Partido Comunista Português propuseram:

 

1. Que o executivo da Junta de Freguesia, através dos seus meios próprios de comunicação, divulgue e informe a população e os trabalhadores da Freguesia da possibilidade de entrada no Complexo Desportivo, para prática de natação livre, com os valores fixados pela tabela e taxas municipais, incluindo os devidos descontos.

 

2. Porque promovendo esta divulgação, permitirá o acesso de todos à prática de natação com preços acessíveis e em conformidade com os restantes espaços municipais.

 

3. Enviar esta Recomendação para:
Presidente da Câmara Municipal de Lisboa
Vereador do Desporto da Câmara Municipal de Lisboa
Vereadores da Câmara Municipal de Lisboa
Grupos Municipais da Assembleia Municipal de Lisboa
Go-Fit dos Olivais
Jornal Olivais

 

A recomendação do PCP na Assembleia de Freguesia dos Olivais para divulgação desta notícia foi chumbada pela maioria PS, pelo que o próprio Partido emitirá comunicado de informação à população.

 

Recomendação do PCP sobre o Complexo Desportivo Municipal dos Olivais - Piscinas Municipais ao Serviço de Todos | Consultar PDF