50 - Solidariedade com os presos políticos

 

A solidariedade internacional para com a luta do povo português, com a exigência de libertação dos presos políticos, constituiu um forte apoio à luta antifascista. No interior do País, a formação de comissões de luta contra a repressão e de apoio aos presos políticos, as concentrações e manifestações, a edição de materiais de propaganda, os abaixo-assinados, as recolhas de fundos, mobilizaram muitos milhares de portugueses. Todas estas acções solidárias contribuíram para o isolamento interno e externo do regime fascista.

 

Próximo Painel: 51 - A classe operária na vanguarda da luta