PCP questiona Governo sobre delapidação da sede da CP em Lisboa

vendacpduqueO PCP questionou, através do seu Grupo Parlamentar, o Governo sobre a delapidação em curso do património público ferroviário, desta vez sobre a oferta da Sede da CP a um grupo de especuladores. Uma negociata agravada pelo facto de estar a ser realizada sem cumprir a lei e sem atender minimamente às necessidades da empresa.

Ler requerimento em PDF

PCP exige fim do roubo do direito ao transporte dos ferroviários e demais afectados

roubosacabarO anterior governo, por via do Orçamento de Estado, havia roubado o direito - nas empresas públicas - ao acesso gratuito ao transporte a reformados, trabalhadores e familiares. No dia 1 de Janeiro o Orçamento de 2015 deixa de estar em vigor, e o PCP questionou o Governo sobre as medidas práticas que estão a ser tomadas para devolver esse direito nessa data. Paralelamente, e cumprindo um compromisso assumido, o PCP apresentou na Assembleia da República um Projecto de Resolução destinado a eliminar definitivamente o roubo do direito ao transporte dos ferroviários e demais trabalhadores do sector dos transportes.

Ler o Requerimento e o Projecto de Resolução apresentados

Está nas mãos dos trabalhadores travar a fusão da REFER e da EP

referep 2015novO PCP está a distribuir aos trabalhadores da REFER e da EP um comunicado onde apresenta o seu projecto-lei para travar a fusão destas duas empresas públicas, e onde sublinha que nestas questões, como em outras justas reivindicações que devem ser objecto de luta, está nas mãos dos trabalhadores concretizar as potencialidades abertas com a derrota de PSD/CDS nas eleições de 4 de Outubro.

Ler Comunicado em PDF

PCP toma iniciativa para a reversão da fusão da REFER com as Estradas de Portugal

referep plO PCP apresentou hoje na Assembleia da República um projecto-lei para reverter a criminosa fusão da REFER com as Estradas de Portugal. Esta fusão, rejeitada pela esmagadora maioria dos trabalhadores e técnicos de ambos os sectores (rodovia e ferrovia) promove a degradação operacional e da seguranla para o aprofundamento de uma política que coloca o Estado português completamente nas mãos das multinacionais, autêntico livro de cheques em branco para pagar as PPP, as subconcessões e as subcontratações, ao mesmo tempo que aliena empresas, património e todo o tipo de activos.

Ler Projecto-Lei em PDF

PCP apresenta iniciativa na Assembleia da República para travar a privatização da CP Carga

cpcarga plO PCP apresentou hoje um projecto-lei onde propõe o imediato cancelamento do processo de privatização da CP Carga, apontando as razões estruturantes desse necessidade - o carácter estratégico do transporte ferroviário de mercadorias e a necessidade de reunificar a operação ferroviária numa única empresa pública - e denunciando a forma como se tentou impor esta privatização, delapidando recursos públicos em favor de uma multinacional.

Ler Projecto-Lei em PDF

Plenário de Ferroviários em São Bento exige fim dos roubos e do ataque ao sector ferroviário

mini- MG 3671Realizou-se hoje frente à Assembleia da República um Plenário de Ferroviários. Os ferroviários rejeitaram a continuação de uma política derrotada nas urnas e exigiram o fim dos roubos  nos salários, nas reformas e nos direitos, e uma política de defesa e valorização do sector que comece, no plano imediato, pela travagem da privatização da CP Carga e pela reversão da fusão da REFER e da EP. O deputado do PCP Bruno Dias interveio na iniciativa reafirmando o compromisso do PCP de apresentar essas iniciativas legislativas e expressando a solidariedade com a luta dos ferroviários. 

PCP recebe «novos dados» das ORT's sobre a CP Carga e reafirma compromisso de travar a privatização

mini-cpcarga pcp 20151029O PCP recebeu as Comissões de Trabalhadores da CP e da CP Carga, e o SNTSF, que se deslocaram à Assembleia da República para entregar aos Grupos Parlamentares os dados mais recentes referentes à forma como o anterior Governo PSD/CDS tratou a privatização da empresa, nomeadamente os dados referentes à prévia capitalização da CP Carga em mais de 116 milhões para a vender por 2 milhões- dados contidos na terceira carta enviada por estas estruturas ao Tribunal de Contas. O PCP reassumiu o seu compromisso de tudo fazer para travar esta privatização e de avançar com uma iniciativa legislativa rapidamente, destacando as razões de fundo para esse combate, nomeadamente o combate à entrega dos sectores estratégicos da economia às multinacionais e a defesa de um sector ferroviário uno, nacional e público.

Ler Carta enviada ao Tribunal de Contas pelas CT's da CP e da CP Carga

PCP pela reversão da privatização da CP Carga

notadeimprensa210915cpcargaO PCP editou uma Nota de Imprensa contra a privatização da CP Carga, um documento onde expõe as muitas razões para anular a negociata em curso, recorda a alternante responsabilidade de PS/PSD/CDS nesta privatização e apela ao voto na CDU para a necessária alteração na correlação de forças na Assembleia da República.

Ler Nota em PDF

CDU contacta com os trabalhadores das Oficinas de Oeiras da EMEF

visitaemefoeirasOs candidatos da CDU, Catarina Cardoso (PCP) e Joana Maria (PEV) visitaram hoje as oficinas da EMEF em Oeiras onde contactaram os trabalhadores e distribuiram o Manifesto de Apelo ao Voto dos Ferroviários na CDU.

Ler Manifesto aos Ferroviários em PDF

Linha de Cascais: Romper com a degradação, apostar no serviço público!

2015 Jan Comunicado Linha CascaisRealizou-se hoje uma jornada de contacto e esclarecimento junto dos utentes da Linha de Cascais sobre a sua situação e o seu futuro e ainda sobre as ameaças crescentes que sobre ela se abatem. Uma acção onde a CDU responsabilizou PS/PSD/CDS pela situação de completa degradação da qualidade e fiabilidade deste transporte ferroviário, e onde apresentou as suas propostas e soluções para a mesma, apelando ao voto na CDU como factor determinante para a ruptura com o caminho de desastre que tem vindo a ser trilhado.

 

Ler Comunicado em PDF