Reforçar a vigilância, a unidade e a luta em defesa da EMEF e da CP

alerta ferroviarioO Sector dos Transportes tornou pública uma posição sobre o recente Acordão do Tribunal de Contas relativo aos contratos - rejeitados há um ano - assinados entre a EMEF e a CP no quadro da tentativa de privatização da primeira. O PCP alerta os ferroviários para o facto deste Acordão estar a ser empolado para utilizar contra a EMEF e a CP, nomeadamente para retomar velhos projectos derrotados há um ano, e sublinha a necessidade de reforçar a vigilância, a unidade e a luta dos ferroviários.

Ler Comunicado em PDF