«Sintra Laboral» edição de Outubro em distribuição nas empresas

20201030  sintra laboral essilorO PCP esteve na Essilor levando aos trabalhadores a nova edição do SINTRA LABORAL, que dá destaque à necessidade do aumento geral dos salários em 90€ e do salário mínimo nacional para 850€, às propostas do PCP sobre o trabalho nocturno e por turnos, a precariedade no trabalho, a construção do XXI Congressso do PCP e a candidatura Presidencial de João Ferreira, são temas em destaque no boletim do sector de empresas do PCP no concelho de Sintra.

ver em PDF

Orçamento Câmara Municipal de Sintra 2021 não serve ao concelho e à população: CDU vota contra

tapada mercesDesde o início do presente mandato autárquico em 2017 que demonstramos que não abdicando da nossa independência política e, não embarcando em ondas populistas e insultuosas, lutamos pelas soluções que consideramos justas e que defendem os munícipes e opomo-nos a medidas e ações que consideramos negativas para o concelho e sua população, denunciando-as nos seus objetivos e linhas orientadoras e instrumentos de concretização. (...) 

A análise aprofundada desta proposta permite claramente distinguir o Orçamento Municipal do PS, com a conivência do PSD e dos independentes nas suas linhas estratégicas de substituição da administração central em áreas da sua competência, do projeto autárquico da CDU, assente na defesa dos serviços públicos e dos seus trabalhadores e na melhoria da qualidade de vida da população, com diferenças bastante assinaláveis que os separam e por isso não nos permitem aprovar este Orçamento.

 

Sobre o Plano de Recuperação e Resiliência

O PCP fez uma declaração política sobre o chamado « Plano de Recuperação e Resiliência» , segundo a informação do Governo, Portugal prepara-se para receber 13 mil milhões de euros para recuperar da crise, entre 2021 e 2026. A Área Metropolitana de Lisboa está a preparar candidaturas para aceder a esses fundos e por isso defendemos que Sintra prepare candidaturas de áreas que são claramente da responsabilidade da Administração Central. Não podemos ficar para trás e o município deve defender investimentos para o  concelho de Sintra

PCP apresenta moção e CM Sintra aprova: Pela contratação de educadores, professores e assistentes operacionais essenciais para o funcionamento da escola pública

 

trabalhadores nao docentesO PCP apresentou uma moção, que a Câmara Municipal de Sintra aprovou por unanimidade, em que insta o Governo a  rever, com carácter de urgência, de forma a que seja autorizada a contratação de um número de assistentes operacionais adequado às necessidades extraordinárias, decorrentes das medidas adicionais de Higiene e Segurança de cada escola. Assim como tambem insta a revisão que estabelece os rácios para a contratação de pessoal não docente, por forma a permitir o reforço, em pelo menos 20%, face ao número de trabalhadores previstos na actual portaria. O terceiro ponto aprovado na moção é a tomada, de medidas urgentes por parte do Governo, que visem a contratação dos educadores e os professores necessários para o normal funcionamento do ano lectivo.

PCP questiona Governo sobre encerramento nocturno do serviço de ginecologia e obstetrícia do Hospital Amadora-Sintra

obstetriciaComo é público, foi tomada a decisão de encerrar, a partir de 21 de Setembro, o Serviço de Urgência de Ginecologia-Obstetrícia do  Hospital Professor Doutor Fernando Fonseca, EPE durante o período noturno. Uma decisão motivada, segundo comunicado, pela escassez de recursos humanos que possam assegurar um eficaz atendimento às grávidas".
Esta situação é tão mais grave quanto considerarmos que este Hospital serve dois dos maiores concelhos de Portugal, já estando subdimensionada, e que nele se realizam um elevado número de consultas e partos. Acresce que o encerramento deste serviço sobrecarrega ainda mais os serviços dos outros hospitais, como do Hospital de Santa Maria, da Maternidade Dr. Alfredo da Costa, do Hospital São Francisco Xavier e ainda do Hospital de Cascais, num contexto já de si difícil.Para o PCP, cada dia em que este serviço está encerrado representa um retrocesso na saúdematerno-infantil e uma grave afronta à saúde das mulheres servidas por este Hospital.

Ver pergunta em PDF

Hospital de Proximidade de Sintra – crónica de uma traição do Governo do PS

Declaração política de Pedro Ventura, Vereador do PCP na CM de Sintra

 

A Câmara Municipal de Sintra deliberou por maioria (votos favoráveis do PS, PSD e Independentes, e voto contra da CDU) aprovar o projecto de construção do Hospital de Proximidade de Sintra.
A CDU foi ao longo dos anos no concelho de Sintra a força política que mais se bateu, ao lado das populações, pela construção de um hospital público, denunciando os graves problemas que existiam, prosseguem e se agravam no Hospital Amadora-Sintra ou nos diversos centros de saúde do concelho que foram abandonados pela tutela.