Votação da recomendação da AML sobre a a Petição "Em defesa da dignidade das mulheres – Prostituição não é trabalho"

 

Natacha Assembleia municipaPor ocasião da votação da recomendação da AML sobre a Petição  "Em defesa da dignidade das mulheres – Prostituição não é trabalho", o PCP relembrou que passados mais de 3 meses da aprovação da Estratégia Municipal de Intervenção na Área da Prostituição, em reunião de Câmara, é fundamental saber o que foi feito, o que se perspectiva, como caminha o Município para a prossecução dos objectivos traçados com a Estratégia.


Para o PCP, o combate à exploração na prostituição continua a ser uma causa justa e

actual, essencial na luta das mulheres pela efectivação da igualdade e na luta mais geral pela liberdade e democracia, pelo progresso, a justiça e a paz.

 

Intervenção da Deputada Municipal Natacha Amaro sobre Petição 26/2018 – Em defesa da dignidade das mulheres – Prostituição não é trabalho