PCP CONTRA A SAÍDA DE 10.000 UTENTES PARA O RESTELO! UMA NOVA USF PARA TODOS OS AJUDENSES

ajuda comunicado usf jan2018No âmbito da sua habitual actividade de ligação às populações e às suas necessidades, o PCP reuniu em Novembro de 2017 com o Director Executivo do ACES Lisboa Ocidental, o Director da Unidade de Saúde Familiar (USF) da Ajuda e alguns médicos da equipa.
Nesta reunião foram elencados alguns dos principais problemas e dificuldades que se colocam na USF Ajuda, alguns deles já há muito identificados pelo PCP e ainda sem solução à vista.

No entanto, a questão mais gravosa apresentada nessa reunião tem a ver com a proposta da nova USF Ajuda. Tendo apenas a informação veiculada pelos órgãos de comunicação social (que incluíam esta unidade no conjunto das novas 14 para a cidade de Lisboa), os eleitos do PCP ficaram a conhecer a proposta acordada entre a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARS LVT) e a Câmara Municipal de Lisboa (CML), destacando como mais gravoso:
- sediar a nova USF Ajuda no edifício do actual Posto de Limpeza, redimensionando-a para apenas 4 médicos, que atenderão pouco mais de 7.500 utentes da freguesia
- deslocar cerca de 10.000 utentes da freguesia da Ajuda para uma nova unidade de saúde a construir no Restelo.
O PCP repudia qualquer proposta de transferência de utentes para fora dos limites da freguesia, empurrando uma população maioritariamente idosa, carenciada e frágil para um novo equipamento que se construirá para servir uma população que já tem respostas acessíveis e de grande qualidade na USF Descobertas, em Pedrouços.
Reconhecendo a necessidade e há muitos anos lutando por umas novas instalações para a USF Ajuda, o PCP não pode deixar de denunciar uma proposta sem sentido e que lesa a população da Ajuda e exigir a reversão deste processo no sentido de umas novas instalações para a USF, com a mesma dimensão e capacidade de resposta à população que existe actualmente.
Nesse sentido, o PCP apresentou na Assembleia de Freguesia da Ajuda do passado dia 19 de Dezembro a moção "Contra a saída de 10.000 utentes para o Restelo! Uma nova USF para todos os Ajudenses" que foi chumbada com os votos contra do PS, PSD e CDS, a abstenção do BE e o voto favorável do PCP. No dia 20 de Dezembro, na reunião da CML, os vereadores do PCP apresentaram um requerimento sobre esta matéria, que aguarda resposta do Executivo.
Retirar o posto de limpeza de onde está (para uma localização que continua sem ser anunciada!) para fazer obras de adaptação e lá instalar uma USF Ajuda que não serve TODA a população da Ajuda é inaceitável!